Direito Cibernético e seus desafios

Direito Cibernético e seus desafios

abril 18, 2022 0 Por jadson

Entenda como se especializar nessa nova realidade do mercado 

Com a pandemia do Covid19, o brasileiro passou a utilizar mais a Internet para estudar, trabalhar e se relacionar com amigos e familiares. Isso pode ser constatado através da pesquisa realizada pelo Comitê Gestor da Internet do Brasil (CGI.br), que aponta que o país chegou a 152 milhões de usuários em 2020.

 

Devido ao aumento do uso do ambiente virtual, os cibercrimes se tornaram mais constantes e sofisticados. Com base na pesquisa conduzida pela consultoria alemã Roland Berger, em 2020, o Brasil teve cerca de 9 milhões de ocorrências de crimes virtuais. Os ataques mais recorrentes são os de “ransomware” – onde limitam o acesso do usuário e pedem resgates em criptomoedas para liberar o acesso novamente.

 

As vítimas deste tipo de crime precisam recorrer à profissionais especializados no assunto para condução dos casos. No entanto, existe uma carência de profissionais do Direito capacitados para tratar de tipo de transgressão.

 

A especialização em Direito Cibernético e Proteção de Dados pode ser um caminho para advogados que pretendem atuar nesta nova realidade. Pensando nisso, a Faculdade Católica Imaculada Conceição do Recife (FICR) lançou uma pós-graduação sobre o tema que irá abordar assuntos sobre o comportamento do consumidor digital, segurança da informação, privacidade no mundo digital, propriedade intelectual no ambiente digital e regulação das plataformas, democracia e Fake News.

 

O Coordenador dos cursos de Direito da IES, Diogo Ramos, destaca a importância de se especializar, “o advogado que cursar essa especialização vai dar um ‘upgrade’ no currículo. Não basta entender apenas sobre uma determinada área do Direito, esse ambiente virtual é mais amplo. Estudar sobre o conceito e evolução do Direito Digital no Ordenamento Jurídico Brasileiro vai dar boas ferramentas e argumentos para esse profissional”, ressalta.

 

As inscrições para a Pós-Graduação são gratuitas e feitas pelo site da FICR. O início das aulas está previsto para o segundo semestre de 2022, de forma presencial, quinzenalmente, aos sábados.

#foconafoto:Victoria Ferreira Assistente de Comunicação Coordenação-Geral de Comunicação, Mkt, Comercial