H20 Food movimentou mercado de alimentos apresentando inovações em Recife

H20 Food movimentou mercado de alimentos apresentando inovações em Recife

março 18, 2020 0 Por jadson

Consumidor, novas tecnologias, mudanças em rótulos e alimentos curiosos foram alguns assuntos do fórum multifocal realizado pela primeira vez no nordeste

De olho no futuro do mercado de alimentos, a programação do Horizonte 20 Food movimentou a capital Recife na última semana. Pela primeira vez no Nordeste, o evento realizado pela Tacta Food, promoveu um encontro recheado de debates, apresentação de produtos curiosos e quais as inovações para o mercado de alimentos. O fórum também provocou posicionamentos dos participantes sobre os próximos meses do setor de alimentos e quais as perspectivas para este mercado.

Um levantamento da Associação Brasileira da Indústria de Alimentos (ABIA) revelou que o setor cresceu 6,7% em 2019. Em alta, este faturamento alcançou R$699,9 bilhões, enquanto em 2018 registrou R$656 bilhões. O estado de Pernambuco se destaca na região diante da grande produção no setor.

Pirulito ‘Xô Ressaca’ da Aqia Nutrition, linha de produtos sem uso de corantes da Exberry e os picolés com sabores alcoólicos da Frisabor foram alguns destaques entre os expositores, que durante quase 10 horas de programação compartilharam as ideias inovadoras aos visionários participantes.

Gabrielly Reis, é especialista em P&D, trabalha na área há cinco anos e compartilhou a participação dela.“A experiência é interessante, pois é uma oportunidade de trocar conhecimentos, fazer networking e conhecer melhor o que as empresas estão planejando para o futuro dos alimentos,” contou. A participante adiantou que trabalha em uma empresa do ramo de frutas, bebidas e energéticos. “Algumas marcas expositoras já conhecemos, três são atendidas pelo nosso grupo empresarial”, finalizou.

Durante a edição do H20 Food todos participantes conheceram as novidades sobre a ‘Nova legislação na rotulagem dos alimentos’, com o tecnólogo de alimentos Dafné Didier. O ‘desafio sensorial na redução de açúcar’ foi debatido pela engenharia química, com Especialização em Alimentos, Luciana Pricola. A publicitária experiente em diversas marcas de alimentos no Brasil, Stella Munhoz, trouxe ‘Governança da Inovação’ como tema de abordagem. Inês Bloise, engenheira química, debateu sobre ‘FELIZIDADE: oportunidades de um mercado em ascensão’.

Já a co-fundadora da Tacta School, Cristina Leonhardt, abordou sobre ‘P&D de Alimentos no Brasil: foto de hoje e propostas para amanhã’, enquanto a engenheira de Alimentos Tatiana Bradaschia, palestrou sobre as ‘Novas tecnologias em alimentos’. Laura Peach, ficou responsável por abordar o tema ‘Food and Drink Trends 2030.’ O consultor  de Inovação da Duas Rodas, Vitor Lopes, trouxe para a plateia ‘Rotas de inovação: possíveis caminhos para o mercado de alimentação.’ Especializada em Gestão da Sustentabilidade Corporativa, Raquel Casseli debateu sobre ‘Proteínas alternativas: mercado, desafios e oportunidades.’

O encontro contou com empreendedores de alimentos, profissionais das áreas de P&D, qualidade, regulatórios e marketing de alimentos. A troca de experiência vai ajudar o planejamento estratégico no campo dos participantes; eles terão a oportunidade de levantar casos com as equipes de trabalho, implantar novos projetos, reavaliar políticas internas, estudar o comportamento dos consumidores e se habilitar para uma oferta mais saudável, inovadora e acessível.